Dicas Gerais de Segurança

Saiba como evitar os golpes mais comuns no Brasil

Publicado por Site da Segurança

Os golpes mais comuns

Segundo a Serasa Experiam, as modalidades mais recorrentes de golpe são:

  • Compra de celulares com documentos falsos ou roubados;
  • Emissão de cartões de crédito: o golpista solicita um cartão de crédito usando uma identificação falsa ou roubada, deixando a “conta” para a vítima e o prejuízo para o emissor do cartão;
  • Financiamento de eletrônicos (Varejo) – o golpista compra um bem eletrônico (TV, aparelho de som, celular etc.) usando uma identificação falsa ou roubada, deixando a conta para a vítima;
  • Abertura de conta: golpista abre conta em um banco usando uma identificação falsa ou roubada, deixando a “conta” para a vítima. Neste caso, toda a “cadeia” de produtos oferecidos (cartões, cheques, empréstimos pré-aprovados) potencializa possível prejuízo às vítimas, aos bancos e ao comércio;
  • Compra de automóveis: golpista compra o automóvel usando uma identificação falsa ou roubada, deixando a “conta” para a vítima;
  • Abertura de empresas: dados roubados também podem ser usados na abertura de empresas, que serviriam de ‘fachada’ para a aplicação de golpes no mercado.

Como evitar

A empresa explica que a maioria dos golpes acontece após as vítimas perderem documentos. Por isso aconselha que, em caso de perda, a pessoa cadastre imediatamente um aviso no site de documentos perdidos. Este site se encarrega de emitir um alerta para bancos e empresas, a fim de impedir o uso indevido.

Além disso, recomenda que o usuário fique atento a atendentes de lojas que peçam os documentos, para evitar trocas e que não permita que levem os documentos para área em que não possam ser vistos pelos donos. Sugere, ainda, atenção ao digitar senhas na presença de desconhecidos. E que nunca informe a terceiros dados pessoais de identificação.

Na internet, o usuário deve procurar sempre pelo cadeado verde na URL e preencher formulários apenas em páginas HTTPS. Se o site não for confiável, não preencher com seus dados. Desconfiar de ofertas online muito diferentes de sites concorrentes.

Além disso, lembra que é importante manter o antivírus do computador ativo e atualizado; nunca fazer operações financeiras em computadores conectados a redes públicas. Quando usar computadores compartilhados, fazer o log off das contas.

Fonte: www.telesintese.com.br

Sobre o autor

Site da Segurança

Informação para sua proteção!

Comente